quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Que seja doce 2011.

Então, que seja doce. Repito todas as manhãs, ao abrir as janelas para deixar entrar o sol ou o cinza dos dias, bem assim: que seja doce. Quando há sol, e esse sol bate na minha cara amassada do sono ou da insônia, contemplando as partículas de poeira soltas no ar, feito um pequeno universo, repito sete vezes para dar sorte: que seja doce, que seja doce, que seja doce, e assim por diante. Mas, se alguém me perguntasse o que deverá ser doce, talvez não saiba responder. Tudo é tão vago como se não fosse nada.
Que seja doce o dia quando eu abrir as janelas e lembrar de você. Que sejam doces os finais de tardes, inclusive os de segunda - feira - quando começa a contagem regressiva para o final de semana chegar.
Que seja doce a espera pelas mensagens, ligações e recadinhos bonitinhos. Que seja (mais do que) doce a voz ao falar no telefone. Que seja doce o seu cheiro. Que seja doce o seu jeito, seus olhares, seu receio.
Que seja doce o seu modo de andar, de sentir, de demonstrar afeto. Que sejam doce suas expressões faciais, até o levantar de sobrancelha. Que seja doce a leveza que eu sentirei ao seu lado.
Que seja doce a ausência do meu medo. Que seja doce o seu abraço. Que seja doce o modo como você irá segurar na minha mão. Que seja doce. Que sejamos doce. E seremos, eu sei."
- Caio Fernando Abreu
músicas, livros, amor, amigos, palavras, blog, futuro, certeza, fé, perdão, força, dinheiro, novidade, universo, esperança, teatro, dançar, realizar, lembrar, presente, 18 anos, verdade, sonhos, tudo, desafios, você, ele, eu, nós, juntos, sempre, fotografia, filme, viagens, estudos, arte, sorriso, razão, emoção, equilíbrio, coração, beijos, gentileza, família, vicio, primavera, flores, ouça, alto, colorido, veja, sinta, permita, liberdade, praia, sol, sinceridade, amor, amor, amor, paz, paz, paz.
Feliz Ano Novo, que seja doce 2011.

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Onde Terminam os Arco-Iris, de Cecelia Ahern.

"A luz do arco íris me fez ver que o amor dos meus sonhos tinha que ser você..." Luiza Possi

"No começo tínhamos tanto a colocar em dia que dizíamos 100 palavras por segundo, mal ouvindo o final das frases um do outro antes de iniciar a seguinte. E havia riso. Muito riso. Então o riso parou e houve aquele silêncio. Aquele estranho e confortável silêncio. Que diabo foi aquilo? Foi como se o mundo parasse de girar naquele instante. Como se todos ao nosso redor tivessem desaparecido. Como se tudo em casa tivesse sido esquecido. Foi como se aqueles poucos minutos neste mundo tivessem sido criados apenas para nós e tudo o que pudéssemos fazer era olhar um para o outro. Foi como se ele estivesse vendo meu rosto pela primeira vez. Ele parecia confuso mas meio surpreso. Exatamente como eu me sentia. Por estar sentada na grama com meu amigo Alex, e aquele era o rosto de meu melhor amigo Alex e seu nariz, seus olhos, seus lábios, mas eles pareciam diferentes. Então o beijei. Agarrei o momento e o beijei."
Editora Relume Dumará, 408 páginas, 2006.
Ainda lendo, e estou adorando. Mas a leitura está se tornando um pouco cansativa. Os desencontros de Alex e Rosie estão ficando entendiantes. Ainda estou na página 232, de 408 páginas. Imagine se eu for ter que enfrentar mais 176 páginas de desencontros? Ele é bom, mas haja paciência pra desencontros. Beijos. Digo meu parecer final quando terminar ele.

(in)curadas

E é só você que tem
A cura do meu vício
Mamãe esqueceu de me contar quais são as coisas que não saram com um simples beijos ou com uma xícara de chocolate quente. São coisas que estão impregnadas e (in)curadas.

domingo, 26 de dezembro de 2010

You're my drug

I said your love, your love, your love is my dryg. (...)
My esteem is gonna be affected.
If I keep it up like a lovesic cracker.
Sabe o que você significa pra mim?
Uma droga, das piores.
Das que me fazem muito muito mal, mas ainda sim eu não consigo deixar em usar.

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Pedidos de Natal.

Muito amor, paz, harmonia e felicidade. Permita Papai Noel que 2011 seja tão perfeito quanto 2010 foi. Que eu continue meus amigos amados e faça outros tão bons quanto eles. Que eu realiza meus sonhos e entre na universidade. Que mamãe e papai continuem tendo uma casamento tão harmonioso. Que meus irmãozinhos crescem cada vez mais nesse ambito familiar perfeito. E que o mundo seja melhor, que o amor brote nos corações de todos, e que a paz estejam convosco. Que tudo seja lindo e feliz.
Obrigada Papai Noel, 2010 foi um ano maravilhoso!
Feliz Natal.

Feliz Natal meus seguidores amados. Que 2011 seja bom para todos nós e que a paz estejam conosco para sempre. Que tenhamos fé, amor e força para seguir. Obrigada a todos que adoram o "Pedaço do Infinito".
Beijos com gosto de infinito.

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Quarteto ♥

Quando amizade atravessa o coração,
deixa uma emoção que não se vai (...)
Em qualquer lugar estarás,
nós nos encontraremos juntos,
abraçados um com o outro, além do destino

Passei dias agoniadas, chorei rios, eu pensei que poderia perder aquilo que construi durante um ano. Talvez seja um pouco dramático, mas me vi numa rua sem saída dentro de mim quando cogitamos a possibilidade de nos separar. Eu sofri por antecipação, mas hoje é um dia muito muito feliz, porque eu sei que o meu quarteto jamais vai se separar. Não sei se eu disse isso à vocês durante todo esse ano letivo, mas se não disse, estou a dizer agora: Eu amo cada pedacinho que compõem vocês, e já não me imagino sem brigar com Pâ, sem pedir conselhos a Lucas ou sem dar risadas gostosas com Lê, sabe por que? Porque nossa vida é feita disso.
Foi um ano muito difícil para gente né Pâ? Tantas brigas, tanta raiva que eu senti de você, tantos xingamentos e quase um fim de uma amizade de três anos, mas a gente está se recompondo, um pouquinho a cada dia, sem exageros e sem ir com muita sede ao pote, um degrau de cada vez para voltar tudo ao normal. Com certeza fui rude com você, ignorante e muito estressada, só tenho a agradecer por você ter me suportado tanto, porque se fosse eu teria desistido no meio do caminho. Confesso que te perdi, afinal você agora está namorando e eu fico feliz, pois sei que ele te faz bem, mas ainda sim as "coisas" não são como eram antes, e não posso te cobrar que elas sejam, afinal é seu momento de estar apaixonada e curtir o seu amor, e eu juro eu entendo, eu respeito, vamos ter nosso momento, que pode durar 10 ou 15 minutos, mas que eu espero que seja verdadeiro. Pensei que não seriamos mais amigas, ou que nem mais nos falaríamos, eu senti muita raiva de você, mas acho que tudo que aconteceu esse ano, todas as brigas, todas as verdades ditas foram para perceber que não somos perfeitas e que temos que aceita e perdoar os erros uma da outra. Você me pergunta: "sairei do buraco?" Sairá, sim. Sairá brilhantemente. As coisas agora vão começar a acontecer, é meio tipo ímã, uma coisinha vai magnetizando outra e outra e outra, você vai ver*. Eu amo seu jeito protetor comigo!
Lucas, você se tornou em pouco tempo meu melhor amigo, aquele que me dá os melhores conselhos e sabe quando não é hora de falar, só de abraçar e estar comigo, em silêncio, tentando absorver a minha dor e transforma-lá em sua dor. Confiei em você no primeiro segundo que conversamos, contei sobre a dor de uma traição e você me ensinou a ter esperanças de um futuro bom. Me contou seu desejo de ser médico, e incrivelmente eu também quero ser médica, e conversamos durante horas e horas e percebemos que temos muito mais em comum do que aparenta. Obrigada por me ajudar a superar, por me suportar com tpm e por ser tudo isso que você é em minha vida. Eu sinto medo às vezes sabe, de quando acabar o colegial a gente se separar e esquecer dessa magia que temos de ser amigos. Eu quero contar a meus filhos sobre nossas conversas, das mais obscenas até as mais sérias, porque você me faz bem quando chega perto com esse seu sorriso aberto, me faz bem, me faz bem. Quero que saiba o quanto me faz bem, deixa minhas manhãs lindas e me dá os melhores conselhos do mundo.
Leidi, eu nunca conheci uma pessoa tão bem humorada como você, eu tento imaginar um momento em que você não faça piada ou que não me deixe sorrir. Eu só tenho a agradecer por você ter me permitido entrar em sua vida, por trazer todas as manhãs alegria pro meu coração, me fazendo perceber que a vida é feita pra viver e pra sorrir, que ainda que eu não tenho dormido, ou que tenho tirado zero na prova de física eu não posso desistir, não posso deixar me abater não posso deixar de sorrir. Acho que você é a pessoa mais otimista que eu conheço, sempre vê o lado positivo das coisas e sempre está disposta a me ajudar em tudo. Talvez eu tenha sido um pouco chata com você, mas ainda sim eu cultivo dentro do meu coração um amor muito forte por você, uma amizade verdadeira e sincera, porque eu sei que a qualquer momento que eu tiver chateada, triste ou qualquer outra coisa eu posso te ligar e conversar com você, obrigada por ser meu sorriso de todos os dias.
Amigos, obrigada pelas madrugadas fazendo trabalhos, pelos melhores seminários realizados, pelos melhores elogios. Por não desistimos, por acreditarem em mim, por me fazerem sorriso, pelo abraço na hora do desespero, pelas longas conversas na biblioteca, pelo colo na hora do sono, pela força. Que 2011 seja melhor que 2010, que tenhamos mais momentos felizes, de conversamos obscenas, de risos gostosos e de respeito mútuo. Eu amo cada centímetro de vocês. Desejo a vocês uma fé enorme, em qualquer coisa, não importa o quê, como aquela fé que a gente teve um dia, me desejem também uma coisa bem bonita, uma coisa qualquer maravilhosa, que me faça acreditar em tudo de novo, que nos faça acreditar em tudo outra vez.
*Caio Fernando Abreu

Feliz Natal meus amigos, que o papai noel nos traga muita paz, muito amor, muita harmonia, força e solidariedade. E vamos deixar a ele uma cartinha na bota, para agradecer tudo que 2010 foi de bom. Beijos.

domingo, 19 de dezembro de 2010

Na alma.

- Chega mais perto.
- Assim está bom?
- Mais perto.
- Mas, já estou te abraçando forte.
- Mais perto ainda.
- Vou te machucar se te abraçar mais.
- Você ainda está longe.
- Impossível chegar mais perto.
- Dá sim.
- Como?
- Por dentro.
- Dentro?
- Sim, de mim.
- Como?
- Penetrando na alma.

"Tudo que eu quero é mantê-la protegida do frio...
Dar-lhe tudo o que o seu coração mais precisa."

sábado, 18 de dezembro de 2010

Soul Love, à noite o céu é perfeito - Lynda Waterhouse.

Porque a noite pertence aos amantes
Porque a noite pertence à luxúria
Porque a noite pertence aos amantes
Porque a noite nos pertence
" (...) Eu jamais voltaria a fazer o papel de uma assistente pessoal em uma amizade. A partir de agora, qualquer amizade pra mim só teria sentido em igualdade de condições. Era isso ou nada. Eu não aceitaria mais fazer de conta que coisas desagradáveis não existiam, nem admitiria manter uma amizade só para não me sentir sozinha. Ser amigo significava compartilhar coisas nas quais se acredita, e não fazer o papel de quem só está ali para satisfazer as vontades de uma ou mais pessoas. E, se você não consegue perdoar as fraquezas dos seus amigos, é melhor ficar sem eles. "
Editora Melhoramentos, 206 páginas, 2006.
Gente, estou de férias, e tem coisa melhor do que ficar em casa, sem fazer nada, só lendo, vendo suas séries preferidas e blogando demais? Claro que não. Estou amando essa minha vida de "nadismo". Bem, li "Soul Love" em pouquíssimos dias, é uma leitura muito gostosa e fácil, com lições de amor, amizade, companheirismo. Adorei e recomendo de presente de natal para meninas de 12 aos 14 anos. ! Próximo leitura: Onde Terminam os arco-iris, de Cecelia Ahern

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

The and.

E quando se vê o lado positivo do fim do nosso amor, o que fazer?
Se tinha que ser assim, tudo bem
Já passou, boa sorte pra você
É o fim do nosso amor!

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Do sexo forte

Amiga: Ah, não, nós somos mulheres, do sexo frágil.
Eu: Sexo frágil? Não! Somos sexo forte!
--
Dizem que a mulher é o sexo frágil,
mas que mentira absurda!
Eu que faço parte da rotina de uma delas
Sei que a força está com elas...

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Querido John - Nicholas Sparks

Meu cansado coração
Está batendo tão devagar
Nossos corações cantam menos
Do que nós queríamos
--
"(...) Onde quer que você esteja e não importa o que esteja acontecendo em sua vida, na primeira noite de lua cheia – como na noite em que nos conhecemos – quero que você a encontre no céu noturno. Quero que você pense em mim e na semana que partilhamos, porque, seja onde for, seja o que estiver acontecendo na minha vida, é exatamente o que vou fazer. Se não podemos estar juntos, pelo menos podemos compartilhar isso, e talvez entre nós, sejamos capazes de fazer isso durar para sempre." página 144

Gente, esse foi o último livro que li essa semana, e juro Sparks é o cara! Eu fiquei tão deprimida com John, chorei com ele porque senti a dor dele de verdade, foi uma sensação horrível, mas pude entender o que é amar de verdade. Eu super recomendo. Assisti também o filme, mas nada é comparado ao livro, portanto leiam primeiro e depois assistam! Daqui uns dias posto aqui o próximo livro, estou lendo "Soul Love - à noite o céu é perfeito - Lynda Waterhouse." Ei, por favor não me abandonem, estou sentindo que vocês não estão gostando mais de nada aqui. Se não tiverem gostando de algo, por favor, me falem, eu vou tentar mudar. Beijos gatas(os)!

sábado, 11 de dezembro de 2010

17º dia. Uma citação que goste.

“Pedi pra mãe – me interna, to infeliz pra caralho.
Aquela velha história do amigo engarrafado me era completamente aplicável, não havia companhia melhor. Porque eu não desejava conversar, pessoas se preocupam demasiadamente e eu não precisava de especulações, conversas enfadonhas e repetir tudo o que estava acontecendo comigo. Não. Eu não quero falar sobre isso. Isso o quê? Se eu tivesse noção do que era... Acontece que esses dias estão tortuosos e eu não desejo levantar-me daqui, a poltrona já adquiriu o formato do meu quadril e a TV me dá o entretenimento necessário para continuar trancafiada aqui. Sossego é o que eu quero. (...) o coração já não bate, esquecera completamente o tal do Tum-tum-tum. Será que o coração bate assim? Há algum tempo que não sei como ele reage, porque os dias estão vazios... Porra eu preciso ser internada.”
Meu Caio Fernando Abreu *-*
-
Foto: Livro - Morangos Mofados, Caio Fernando Abreu

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Querida Clarice Lispector,

hoje faz 33 anos de sua morte, não era nem nascida, e minha mãe tinha apenas 1 ano de idade. Tudo poderia conspirar para que eu não te conhecesse, mas aconteceu ao contrário, me tornei dependente de suas palavras, como se elas fossem morfina para meu corpo. Obrigada por ser esplêndida, e por todas as palavras ditas da melhor maneira na melhor hora (desculpe, a redundância). Você me ensinou que a solidão não é um bicho de sete cabeças, e que talvez o que eu procure esteja nela. Que nem o medo, nem a chuva, nem as piores tempestades, podem me deter, pois eu sou o escuro da noite. Você me disse certa vez que era pra mim mergulhar como você mergulhou, sem me preocupar em entender, porque eu estava vivendo, e viver ultrapassava qualquer entendimento.
É engraçado, mas em uma noite de frio você veio me visitar, contou-me suas melhores histórias, disse como era no céu e como estava feliz, e eu fiquei feliz por você ter ido embora, porque afinal ter te perdido fez você feliz. Você me disse que anjos existiam , e se eu realmente acreditasse eles existiriam. E hoje, por meio dessa carta, eu digo: EU ACREDITO, E PORQUE EU ACREDITO, ELES EXISTEM. Obrigada, porque você me deu o direito ao grito, e por isso eu grito, todos os dias.
Clarice, você sabe como eu chorei lendo teus singelos versos quando meu coração tava sofrendo e chorando desesperadamente, mas você me disse que eu fui burra, muito burra, pois eu achava que só porque ele me deu carinho, um simples carinho, amar era fácil, foi então que eu entendi que amar é muito dificil. Mas, quando estou amando não preciso entender nada do mundo, porque meu mundo se passa por dentro.
Se puder me visitar mais uma vez eu ficarei muito feliz, mas se isso não acontecer, por favor faça com que eu tenha a coragem de me enfrentar. Faça com que eu saiba ficar com o nada e mesmo assim me sentir como se estivesse plena de tudo, e com amor receba em teus braços o meu pecado de pensar. Mas, ainda não responda as minhas perguntas, pois assim continuarei a escrever.
Com toda a minha admiração,
Lais Pâmela
P.S.: Feliz Aniversário também, meus anjinhos estão te levando um bolo de 90 anos.
Para minha amada Clarice Lispector, por suas palavras.
Por te falar eu te assustarei e te perderei? Mas se eu não falar eu me perderei, e por me perder eu te perderia.

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

De tanto amar.

Eu te amo, e você tem que me amar também, considerando o tanto quanto que eu te amo.

domingo, 5 de dezembro de 2010

Para Lucas Moura.

Ele entrou pela janela, numa noite de tempestades dentro de mim. Entrou, como fazia há 8 anos. Mas, dessa vez não foi para assistir aos filmes antigos chatos, como a gente sempre fazia, ele veio porque sabia que eu estava sofrendo. Moura, sabia que meu coração estava dilacerado, afinal Peter avisa indo para o outro lado do mundo. Mas, ainda assim ele esteve comigo. Sem falar nada, ele se levantou e veio até a mim, que estava na janela, com lágrimas nos olhos e saudades fortes destruindo o meu coração. Ele entendia que eu estava sofrendo, entendia. E ficou de pé ao meu lado, sem se mexer, colocando seus braços em volta de mim, num abraço acolhedor, tentando absrover a minha dor, com esperanças de tirá-la de mim e fazê-la sua própria dor. E disse: 'Estou com você, sempre!'.
--
- Para meu melhor amigo, Lucas Moura. Eu não sei imaginar meus caminhos sem você por perto. A música foi escolhida por ele. Obrigada por ser tudo isso que é pra mim. Eu te amo, muito.

sábado, 4 de dezembro de 2010

De tornar.

--
Do que é belo e lindo, ao profundo e apaixonado, e que aos poucos se torna doloroso e triste.

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Quer pincelar minha vida?

Quer colorir meu coração para ele ficar feliz? A tela árida e cinza de minha vida precisa de cores pinceladas por você... Você me traz o colorido da paz !
Gente, preciso contar isso, eu conheci uma pessoa tão incrível, que me fez perceber que sofrer por quem não me dá valor é perca de tempo. Desde que estou andando com ele não derramei mais uma lágrima por causa de L. É tão bom acordar e saber que você vai encontrar uma pessoa com a qual você vai conversar e se entender. Ele adora sociologia, história, geografia, filosofia, como eu. Ele é alto, e tem nome de rei. Me sinto insegura com ele, mas meu mundo fica tão colorido com ele por perto, quando estamos estudando juntos, ou quando só estamos conversando. Me sinto tão pequenina ao seu lado, mas tão forte. Sei lá, acho que posso ser feliz, ainda que L. esteja tão impregnado em mim. A música tem tudo haver com ele.

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Histórias de amor...

Histórias de amor acabam? Sim, às vezes só o amor não basta.

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Você é o capítulo, eu sou a linha

Você se tornou um capítulo de minha vida, que escreverei com muito amor, ao som dos The Beatles. Mas, eu sou apenas uma linha de algum capítulo qualquer do seu livro.

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

22º dia. Uma memória que tenha te marcado.

Não copie a foto!
O melhor show da minha vida. Dia 07.05.2010 vai ficar sempre na minha memória, porque só eu sei o quanto esperei para ver Jorge Vercillo, aquele que com suas lindíssimas canções sabe acalmar, acalar meu coração. Que esteve no momento da dor comigo, que nos momentos de alegria me encheu de risos escondidos, tímidos. Chorei feito criança, e aqueles que não conhecem sua música, passem a conhecer, porque nunca escutei nada melhor. É só o melhor para mim.
Eu me entreguei demais
Eu imaginei demais
E o silêncio fala mais que a traição
Foi um devaneio meu
Um veraneio seu
E um outono inteiro em minhas mãos.

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Potencialmente bonito

Num galáxia muito distante, ou mesmo em outra vida, eu te amei. Só amei, e hoje me curei. Transformei a dor em algo potencialmente bonito.
- O que acham de Buenos Aires? *-*

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Guimarães Rosa

"Alegre era a gente viver devagarinho, miudinho, não se importando demais com coisa nenhuma. Felicidade se acha é só em horinhas de descuido."
- Para Guimarães que com suas doces palavras me encanta. Dia 19 de novembro completaria 102 anos de idade. Happy Birthday Rosa, o céu está em festa, e a terra de coração partido, mas feliz por ter encontrado em suas palavras confortos.
- Já acordou com vontade louca de ser feliz? Hoje eu acordei assim. Tenho uma vida tão maravilhosa, amigos tão queridos, que me amam tanto e que me admiram por ser tudo isso que eu sou(que é pouco!). Tenho uma mãe melhor amiga, que me entende, que conversa comigo muito, que me ama, e sente orgulho de ter uma filha como eu, irmãos caçulas perfeitos e um padrasto tão presente, tão amigo, que não tenho direito nenhum de sentir falta de um pai. Para que chorar? Se tenho uma vida tão cheia de felicidade.

domingo, 14 de novembro de 2010

Nos amar de volta

De coração bobo, de coração grande, sempre vamos nos apaixonar por alguém, sentir borboletas na barriga, desejar estar perto, sentir calafrios a cada suspiro perto do ouvido, mas em algum momento da vida que nos apaixonamos, a pessoa pela qual demos nosso coração esqueceu de nos amar de volta, afinal quem disse que o amor tem que ser correspondido?
"Eu sentia profunda falta de alguma coisa, que não sabia o que era. Sabia só que doía, doía. Sem remédio." - Caio Fernando Abreu

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Piada

Que piada de amor é essa que eu sinto? Que em vez de me fazer rir, me faz chorar?
Não me contes mais essa piada, por favor.

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

25º dia. Um sonho ainda por concretizar.

Desde sempre lidar com o corpo humano é um sonho para mim, é de conhecimento de todos que me dou muito bem com as áreas humanas e biológicas, então nada melhor que seguir nessa área. Medicina é a minha primeira opção pro vestibular, a minha área de atuação será "Neurologia", quero trabalhar com pessoas para/tetraplégicas, com crianças especiais e com pessoas portadoras de câncer. Não quero só ser médica, quero ser alguém que cause a diferença na vida das pessoas. Eu quero curar, de alma, de coração, de físico.
"É mau médico o que não tem esperança de curar" - Sêneca
- Faz parte do meu novo desafio.
- Não vou seguir a ordem, odeio ser alienada.

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

O caçador de pipas

Homenagem da Semana
"Não me lembrava que mês era, nem mesmo que ano. Só sei que aquela lembrança vivia dentro de mim como um pedaço gostoso de passado, perfeitamente encapsulado; uma pincelada de cores naquela tela cinza e árida que nossas vidas tinha se tornado."
Khaled Hosseini
Esse livro é o melhor livro que já li em toda minha vida, uma lição que nunca vou esquecer. Uma lição de amor, respeito, compreensão, compaixão e de perdão. Sabe aquela história de: será que eu realmente sei perdoar aquele que erra comigo? Vale refletir. Dar perdão ao outro é dar a oportunidade de ser perdoado também. É deixar seu coração em paz.

sábado, 6 de novembro de 2010

Eu quero polisipo

Laís Pâmela e Pâmela Oliveira, in 06 de novembro de 2010
O tempo passa, e nos deparamos com os obstáculos que a vida nos propõe. No meio da estrada da vida me deparei com você, talvez pudéssemos caminhar por essa estrada juntos, mas nos perdemos no caminho. Eu me apaixonei, eu me apaixonei demais por você. E a cada segundo de cada dia esse sentimento dentro de mim cresce, me queima, me delira. A cada segundo eu tenho mais certeza de que não sou capaz de te esquecer, e que é você que eu quero nos meus dias torturantes, e durantes as noites de tempestades no meu quarto, para me aquecer, e não me deixar abalar pelo medo dos trovões.
E cada beijo é como ir a Vênus. E a cada abraço eu quero ficar entrelaçada com você, ver o céu estrelado da janela de meu quarto. E a cada sussurro em meu ouvido o arrepio percorre minhas veias, esquenta as minhas artérias e acelera meu coração, me fazendo tremer, fazendo as minhas feridas cicatrizarem num só instante, como um antídoto, como o melhor antídoto para minha dor.
Dor essa que me consome por inteiro, que me faz implorar-te para ser o remédio capaz de livrar-me de todo o sofrimento que um coração apaixonado pode sofrer, mas agora depois que todos os bons momentos se passaram, te procuro para que mais uma vez seja meu acalento nas noites frias, meu porto seguro em meio a tempestade e descubro que te pedir.
Te perdir de uma maneira tão sutil, que nem ao menos senti, te perdir da pior maneira que se pode perder alguém que ama, alguém que representa muito mais do que seu coração um dia pode imaginar, te pedir na minha doce ilusão que me fez acreditar que um dia você foi meu e hoje acordo, vejo as folhas deitarem ao chão e percebo que tive apenas o seu corpo ao meu lado, porque o seu coração sempre estiveram longe de mim. Porque seu coração nunca foste meu de verdade. Mas sabe, eu também cansei de te esperar, cansei de te amar, e cansei de ser a tua pele, tua cápsula protetora.
Porque depois de tanto tempo sofrendo, de tanto tempo chorando, e mais que tanto te amando, a gente percebe que o coração já não agüenta mais e pede suplica por uma pausa, por polisipo. Por dias sem dor. Pode um coração tão grande e tão cheio de amor cansar de amar? O meu cansou. O meu pediu para ser feliz, para sorrir, para caminhar diante do sol e sentir o aroma da brisa. Porque meu coração não agüenta ser mais furacão, ele quer ser calmaria. Só quero te dizer: ‘Te cuida, por favor, te cuida bem, e não esquece que um dia eu te amei, mas que já passou Ok!’

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Não quero me livrar de você também.

Ironicamente, eu digo:
- Você não vai se livrar tão fácil assim de mim. É só uma viagem à São Paulo.
Respirando profundamente, ele respondeu:
- E quem disse que eu quero me livrar de você?



segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Saulo Fernandes

Homenagem da Semana
"Hoje acordei mais cedo e fiquei te olhando dormir, imaginei algum suposto medo para que tão logo pudesse te cobrir. Tenho cuidado de você todo esse tempo, você está sob o meu abraço e minha proteção. Tenho visto você errar e crescer, amar e voar, você sabe onde pousar. Ao acordar, já terei partido, ficarei de longe, escondido, mas sempre perto, decerto, como se eu fosse um humano vivo, vivendo pra te cuidar, te proteger, sem você me ver, sem saber quem sou, se sou anjo ou se sou o seu amor."

Do verbo errar.

Certo, tenho que escrever uma redação falando e classificando os meus erros. Erros de uma vida inteira. Pâmela, de nada, culpa sua eu está aqui, afinal o que não fazemos pela nossa nada menos que “amiga-confidente-irmã-companheira”?
O que vou falar? Ah tá, vou na minha caixinha de lembranças, sentarei na cama e vou reviver cada erro. É banal, erros são normais. Quem nunca errou que atire a primeira pedra. Mas cuidado, seu telhado é de vidro. Estou completamente revoltada, porque eu sempre escrevi, nenhum tema pra mim é complicado. Sexo? Eu falo. Gravidez? Falo. Amor? Falo e falo. Agora erro? Nunca falei de erro. Não sei classificar, não sei denominar quais erros são mais ou menos importantes, todos são erros, e isso basta não?
Só estou escrevendo isso por causa de Pâmela, apoio moral se é que você me entende. Sua amiga é insegura? Não sabe o que deseja? Não escolhe entre o sim e o não, fica com os dois? Então você tem uma Pâmela.
Verbo errar. Significa que você fez uma coisa que não é certa. Obvio. Mas, errar nem sempre é errar. Eu posso ter errado, mas meu errado é certo para você. Tá, tudo bem, eu vou parar e vou ir atrás do meu maior erro.
Antes, eu gostaria de ressaltar que eu não gosto de classificações, maior/menor, primeiro/ultimo, melhor/pior. E agora passei a odiar, porque não sei classificar meus erros. Certo, eu tenho erros, mas são só erros.
Falei para Pâmela uma vez que ela era uma vadia, isso foi um erro, afinal ela é minha amiga. Eu me arrependo, mas se eu não tivesse feito isso não relataria isso agora, e aviso: nunca xingue sua amiga de vadia, você pode não ser perdoada, no meu caso, é porque Pâmela é um anjo que me protege. Ele sempre perdoa minhas crises existenciais, sempre sabe lidar com minha TPM, ou sempre está pronta para me dar os melhores conselhos do mundo. Esse erro foi sem razão ou coisa outra qualquer, além de não saber como fazer para deixar claro o quanto me arrependo disso.
Ah, eu colei na prova de trigonometria. Um erro perfeito, afinal graças a ele eu tirei um 8,0 na unidade. É fato, que odeio números, aliás, gosto dos números ímpares, eles são unicos. Senhora Matemática, já pedi para você cuidar dos seus problemas? Seria bom né? Resolveria muito a minha vida. Mudando... Eu sempre falo para Lucas o quanto ele é patético, mas é só ele aparecer no portão de minha casa, em um dia qualquer, sem aviso, sem nada, que meu coração fica patético, cego e idiota, fora de razão. Tento não falar com ele
, e mandar ele embora, mas ele sempre volta, porque? Isso tem que ser perguntado para ele.
Ah, chega! Erros? Meu maior erro foi tentar descobrir qual o meu maior erro. Erros são erros. Sempre cometeremos, ainda que saibamos que é errado errar, sempre erramos, é do seu humano. Ser imperfeito?? Deve ser a mesma coisa que ser errante. É perfeito ser imperfeito. Que graça tem uma vida sem problemas? Existe amor sem ódio? Alegria sem triste? Acerto sem erro?
“Sou errada, sou errante, sempre na estrada, sempre distante, vou errando enquanto o tempo me levar.” - Kid Abelha, Nada sei
Essa música vai especialmente para Lucas Santana, ele fez aniversário ontem, 19 anos. Feliz Aniversário! Je t'aime

sábado, 30 de outubro de 2010

Where I buy one father?

Quanto custa o abraço de um pai? Um dia de carinho e amor? Sem dizer nenhuma palavra que machuca, somente palavras que acolhem, que encham nosso coração de alegria, deixando eternizado esse momento, que se tornará mágico e inesquecível. Um dia com pai, somente para saber como é ter um, sem lembrar do passado, nem especular o futuro, só um dia, para ficar na memória e futuramente contar aos meus filhos, netos, dizer como esse dia foi inesquecível, e como eu queria repeti-lo.
Onde se vende pais? Queria comprar um, sabe como é né? Se um dia eu casar, ele poderá entrar na igreja comigo. Se um dia eu tiver filhos, ele poderá ser avô. E se um dia eu cair, ele poderá me erguer, se eu perder a fé em mim, ele me dará fé para me sustentar e não me deixará abalar, por nada nem por ninguém. Onde vende mesmo pais?

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Lembre-se!

Laís Pâmela,
você tão meiga e romântica tem que ser lembrada todos os dias que você não controla o mundo, nem o coração dele. Então, cresça e perceba que a vida não é tão maravilhosa quanto os contos de fadas que mamãe te contava. Vá pra guerra. Contra seu coração.

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Pablo Neruda

Homenagem da Semana
Saudade é solidão acompanhada, é quando o amor ainda não foi embora, mas o amado já...
'Oi, resolvi toda semana fazer uma homenagem à um poeta, escritor, livro, filme, cantor, enfim. Quero pedir desculpas por estar tão ausente, meu coração está a sofrer de vez, ele foi embora de vez, e agora é sem volta mesmo. Sei que o meu blog não é um diário, mas tenho amigos aqui, isso é fato. Não estou me sentindo bem com o coração e além disso o IFBA me consome até a alma, estou tão cansada que nem inspiração me sobra. Prometo voltar com tudo.
Obrigada amores, me perdoem a ausência. Beijos. '

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Imprevisível.

Ele me olhou com frieza e indiferença, e disse:
- Não dá mais! Você é muito imprevisível.
Meu erro - Chimarruts
P.S. É possível terminar pior?

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

40 coisas sobre mim.

1. Eu já quis ser de tudo, até piloto de avião.
2. Altamente sensível, sofro quando meus amigos sofrem, ou quando um amor é arruinado.
3. Cima de tudo, eu amo, porque é o amor que me mantém forte.
4. Tenho uma amiga virtual chamada Evelyn, ela mora em Brasília, e nos conhecemos por aqui.
5. Fiquei doente, e tive que me afastar do colégio, o que resultou em uma repetência dolorosa.
6. Sou sincera, idealista. Sou a música e a poesia.
7. Sou apaixonada por livros.
8. Não sei andar de salto alto.
9. Estou lendo a série Harry Potter, e estou apaixonada por James e Lilian Potter.
10. Perco as coisas facilmente.
11. Me mantenho de café.
12. Não conheço meu pai.
13. Quando morava em São Paulo comia pizza com coca-cola no café da manhã (eca!)
14. Meu melhor amigo é Lucas M. e juntos provamos que existe amizade entre mulher e homem sem bônus.
15. Tenho medo de perder as pessoas dentro de minha própria lembrança, não quero que elas se apaguem.
16. Entre um show e uma cama com um livro, fico com a cama e o livro.
17. A cozinha é o lugar onde tudo é contra mim.
18. Falo de sexo, amor, religião, sofrimento, alegria e amigos. Falo de mim mesma, só deixar as palavras sairem.
19. Determinada, não me deixo abater fácil.
20. Odeio números, portanto a área de exatas pra mim é impossível.
21. Sou imprevisível e bipolar. Nem os melhores psicólogos do mundo me entenderiam.
22. Meu ex-namorado me traiu com uma amiga.
23. A melhor estação do ano é o verão, mas se você tiver uma bela casa na praia. Caso o contrário prefira o inverno como eu.
24. Acredito que o destino é escrito por mim.
25. Quero ser médica desde sempre, só que agora estou em dúvida Comunicação ou Medicina?
26. Não namoro desde que fui traída. Talvez não acredite mais em relacionamentos.
27. Sou boa em aguardar segredos, eu esqueço deles facilmente.
28. Tenho rinite, refluxo e problema de coluna. Tenho amor, fé, livros.
29. Sou CDF, e já estou estudando pro vestibular, mesmo que esteja ainda no segundo ano.
30. Já fui tempestade, hoje sou brisa.
31. Perder minha mãe seria como pedir uma passaporte pra morte.
32. Não sou vaidosa, nem um pouco. Gosto de all-star, calça jeans e uma camisa.
33. Tenho vontade de conhecer Barichole, a Argentina.
35. Odeio meu professor de português.
36. Não como frutos do mar. Nada!
37. Não escrevo bem.
38. Queria ir a um show de Renato Russo. (utopia!)
39. Minha carga horário de estudo é pesada.
40. Tenho vontade de estudar na universidade de Ouro Preto.
Passo a brincadeira para:
Nando Reis - Ainda não Passou

domingo, 17 de outubro de 2010

Um amor humano.

Não volta! Eu consegui encontrar a felicidade sem você. E pela primeira vez hoje acordei sem uma única gotícula de lágrima em meu travesseiro. Não tive pesadelos a noite, e consegui sorrir ao te ver. Talvez me causaste tanto mal, que agora nada mais vindo de você me importa. Decidi eu quero seguir minha vida. Não me fale que não consigo sem você, porque eu consigo, eu apenas não queria. Talvez tenha acabado. Depois te tanto quer uma pessoa, amanheci hoje querendo ser feliz, sentindo falta de um sorriso, e tento a mais nítida certeza de que você não se importa. Só hoje me deixe ser feliz, e se amanhã eu tiver uma recaída terei meus amigos para me dar forças pra continuar. Chega! Estou farta de você, das suas inúteis palavras, de seu silêncio torturante, de seu jeito arrogante de me tratar. Eu acordei, e sou humana, de carne e osso, e mereço um amor que faça sorrir antes de dormir, me acorde com beijos, eu mereço um amor que me leve para passear, e cumpra as promessas que me faz. Eu só quero um amor tão humano quanto eu.

terça-feira, 12 de outubro de 2010

Go!

O que se faz para tirar de sua vida uma pessoa que está impregnada?
Eu preciso desistir de você. Só não sei de onde tirar forças. Por favor, faça-me esquecer teus beijos e abraços. Suplico que tire de mim seu cheiro, e o desejo de estar contigo, respirando o mesmo ar. Sai de minha vida pela janela, porque a porta da frente está trancada, tu jogastes a chaves fora. Saia, e não voltes, porque eu não quero mais sentir isso. Não tenho forças, roubastes meu ar, dilacerastes meu coração. Jogada no chão, me deixaste na carnificina. SAIA DE MINHA VIDA, porque meu coração está muito remendado, não aguentará mais um ferimento. E saia, não vou pedir para voltar, sei que vou chorar todas as noites, mas as lágrimas secaram ao amanhecer. Não vou mais esperar você, não para sempre. Go! Meu coração não aguenta mais um remendo, mais um reboco.
Você que já não diz pra mim
As coisas que eu preciso ouvir
Você que até hoje eu não esqueci
Você que eu tento me enganar
Dizendo que tudo passou
Na realidade aqui em mim você ficou
Marina Elali - Você.

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Quem foi Renato Russo em sua vida?

11 de outubro de 1996: morre Renato Russo, o nosso ídolo. Nada mais justo que uma singela homenagem, afinal Renato tocou a vida de muitas pessoas. Com seu punk rock revolucionário, e sua musica um tanto poética, Renato deixou um legado ao partir. Deixou sua música como único consolo aos fãs que perdurariam pelos 14 anos sem a sua presença.

Quem nunca chorou ao escutar “Mais uma vez” ou “Hoje a noite não tem luar”? Quem nunca dedicou umas das suas belíssimas músicas ao seu amor? Quem nunca refletiu sobre a sociedade e seus problemas ao som de sua voz? Quem nunca se perguntou que país é este?

Quem foi Renato Russo em sua vida? Senão aquele que tocou sua alma, que chorou contigo, que mostrou que quando se aprende a amar, o mundo passa a ser seu. Numa era de pensamentos em transição, de rebeldias e paixões arrebatadoras, Renato Russo nos embalou com o som de seu amor, de sua paixão pela música e, principalmente, de sua vontade de mudar o mundo.

Aonde está você agora além de aqui dentro de mim? Agimos certo sem querer, foi só o tempo que errou, vai difícil sem você, porque você está comigo o tempo todo...

Texto: Debora Rezende e Laís Pâmela.

domingo, 10 de outubro de 2010

Expectativas ou Labirintos?

Mas o que a vida nos promete? Será que tudo o que passamos é em vão? Nada nessa vida é vão, ás vezes só temos que ser testadas, testadas pra levar a vida e consegui superar esse e muitos outros sofrimentos que iremos passar mas, então por que não nascemos prontos? Prontos pra levar a vida como ela realmente é? Porque não teria graça nascer pronto, não iríamos viver tão intensamente como vivemos. É a vida é mesmo um labirinto, um labirinto que parece não ter fim. Coisas que parecem tão fáceis, se tornam mais difíceis a cada dia. Difícil que é difícil por parecer fácil aos olhos dos estranhos mas, no nosso coração é difícil, tão difícil como beber água, ou olhar o céu. Mas, um dia a gente aprende que amar e não ser amado é uma das leis da vida, e que a nossa felicidade está nos pequenos momentos, e que o que passamos é só pra sabermos que devemos cultivar cada pessoa, cada minuto da nossa vida, como se fosse infinito. Aah... Se a gente pudesse dizer tudo o que a gente sente né? Seria um mundo de palavras, um mundo de expectativas que nunca seriam realizadas, os nossos sonhos estão a cada dia mais distantes da nossa realidade. Mas, sonhar é tirar os pés do chão e ir até uma realidade idealizada de verdade. A realidade da nossa felicidade e mesmo a vida sendo tão difícil, pode cultivar momentos maravilhosos, numa realidade nossa ...na nossa realidade, pra que assim sejamos felizes. É sonhar é trazer para dentro de si, o que já não cabe lá fora, é mostrar que você pode ver as coisas muito diferentes do que elas são. Sonhar, no nosso caso, é querer ser feliz, e entender que nem tudo é como a gente quer!
Crislane Rosa e Laís Pâmela

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Meu dia 08 de outubro.

É, estou para ficar mais velha. Meu 08 de outubro está a se aproximar, frio na cabeça começa surgir, e a certeza de que nunca mais terei 16 anos começa a se firmar. E a expectativa de quem vai se lembrar me agonia dias antes, fico a pensar se ele, vai ao menos se lembrar. Se realmente essa data para ele representa algo, afinal eu estou a completar 17 primaveras. Se ele não vim me ver, REZEM MUITO POR MIM, porque vai doer.
Happy Birthday Lai.
Laís Pâmela

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Feliz Aniversário The Flintstones

Happy Birthday The Flintstones
Hoje o desenho que marcou gerações, completa 50 anos. O desenho que com certeza marcou sua infância, assim como da sua mãe, tias, primas. Foi um dos desenhos mais assistidos no mundo, trazidos em 22 idiomas, e que fez a felicidade de muita gente. Inclusive a minha. Não é todos os dias que uma familia completa 50 anos de trajetória, com muita animação, piadas e bom humor carregados no bolso né?

domingo, 26 de setembro de 2010

Meu coração quer ficar bêbado

Dei folga o meu coração. Falei pra ele sair, beber, fumar uns cigarros, e voltar pra casa quando o dia tive já raiado. Pois não foi que ele fez isso mesmo? E quando chegou , chegou com muita ressaca, mas desejando tomar outro porre pra se sentir feliz e fingir que esqueceu dos problemas. Meu coração quer ficar bêbado

sábado, 25 de setembro de 2010

Mas daquele momento,

Hermione Granger tornou-se amiga dos dois. Há coisas que não se pode fazer junto sem acabar gostando um do outro, e derrubar um trasgo montanhês de quase quatro metros de altura é uma dessas coisas.
Harry Potter e a Pedra Filosofal.

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Coração

Meu coração saiu a voar por aí.
Saiu a procura de um verão caloroso.
Saiu querendo encontrar alguém que queira ser seu verão.

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Passado ou Presente?

como escolher entre o passado inseguro e caloroso e o presente aconchegante e dúbio?

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Gostava Tanto de Você.

Só pra te representar.
"E eu gostava tanto de você..."